quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Como começar as mudanças internas?



Pensando alto: Como começar as mudanças internas? 

Se "amas a teu irmão como a ti mesmo" é tão importante, e as pessoas não  se amam verdadeiramente porque estão presas na turvidez da hipocrisia, como salvar aqueles que realmente são o trigo e não o joio? 

Todos merecem uma segunda chance, terceira, quarta, mas esta vida é "mais uma" no ciclo das reencarnações e se as pessoas verdadeiramente se amassem iriam trabalhar mais ativamente em "não precisar reencarnar para pagar dívida de outras vidas, nem pagar carma com pendências com outras pessoas".
Penso que, mesmo que, não seja possível eliminar todas as nossas atuais hipocrisias, visto que estamos "Encarnados" nelas há éons,  poderíamos dedicar algum tempo de nossas vidas para eliminar nossas ações hipócritas. 

Prefiro chamar este processo de "Coerência e Verdade" : um reprogramar da vida para ser coerente com a verdade praticando primeiramente uma conexão com o Eu Interno, para compreender de verdade quais são os valores que temos, quais são as nossas qualidades que podem servir de ponte para nos alavancar, reconhecendo estas capacidades e trabalhar com o poder que temos na mente em conexão com o que precisamos despertar no coração através do conhecimento.

Nossos registros precisam ser despertados, precisamos verdadeiramente conhecer quem fomos para nos locar em quem somos, resgatando virtudes e dons adormecidos. 

Lembro que há uns 9 anos atrás  eu reconheci que perdi minha identidade. Num workshop da Brahma Kumaris foi-me pedido um texto que descrevesse quais eram as minhas virtudes. Dai tomei um susto: eu não sabia naquele momento quais são as virtudes divinas, e pior, não sabia se eu tinha estas virtudes,  eu não sabia identificá-las e encontrá-las dentro de mim. Vejam que absurdo,!!! Vivi dias de pesadelo pensando que eu não tinha virtudes. Tempos depois percebi que era porque eu não as estava praticando comigo e com o próximo.  Percebam que isto foi em 2004, foi praticamente ontem, são só 9 anos. Eu não sabia quem eu era, estava em profunda depressão, desconectada de tudo, de mim mesma, e olha agora onde estou agora : com uma lucidez que muitos levariam vidas e vidas para despertar. E porque consegui isto assim tão rápido?  Porque coloquei o meu EU na pauta do dia. Fui em busca de compreender quem eu fui, quem eu era, de que forma poderia "consertar" os erros que cometi nas vidas passadas, para que nesta vida tudo fosse diferente, para que não fosse mais uma vida desperdiçada, sem conexão, sem realização espiritual, sem um caminho produtivo e verdadeiro. Não se assuste com o tempo porque o primeiro passo é o que leva ao ponto do Eu Sou, hoje temos inúmeros recursos mais rápidos e eficientes dos que eu conhecia na época para trilhar este caminho, obvio que eu também enveredei por caminhos que me desviaram, mas graças à Fraternidade Branca posso hoje honrar todos os caminhos de aprendizado que trilhei para ter mudado tanta coisa na minha vida. Obvio que muito do que faço hoje já fiz muitas vezes, em muitas vidas, isto está mais que latente, muitos dons e conhecimentos foram resgatados graças ao Discernimento,  Entendimento e a Conexão com o Coração que foi o meu ponto de partida, mas principalmente pelo Empenho em Manter o Foco no meu Eu é que  hoje posso aplicar o que sei no dia a dia, porque dei o primeiro passo para meu resgate e eu fui um dia de cada vez, mas todos eles com Foco no Eu.

Então, se você está no ponto de partida, de querer uma reconexão com “quem é você” eu dou um conselho que valerá por todas as tuas novas vidas: 
Coloque você na sua pauta do dia e observe se você está sendo coerente ou hipócrita consigo mesmo, se existe em seus pensamentos, sentimentos e ações coerentes com a pessoa em quem você quer se tornar e em coerência com o que você quer realizar nesta vida. 

A parte mais importante do aprendizado de si mesmo é a prática do perdão e da compaixão para com o próximo.  Quando isto se refere aqueles com quem convivemos trazemos um monte de incoerências dentro de nós, porque aprendemos a agir e reagir assim. Mas, a parte mais fácil do aprendizado do perdão e da compaixão é quando a aplicamos em nós mesmos. Nós somos o ponto de partida para tudo o que precisa ser feito. Seja compassivo com você, ame-se acima de tudo, mas não use este amor para passar por cima de ninguém. Você é a pessoa mais importante na sua existência, mas lembre-se que está aqui para interagir e quanto mais amoroso e verdadeiro for consigo mesmo, mais amoroso e verdadeiro será com quem te cerca e como um “vírus do bem”, pela lei da atração de semelhantes, começará a ter ainda mais amor em sua vida.

Sugiro um check-list como lição de casa:

Observe como você se comporta diante da vida;
O que você verbaliza como sua verdade, qual seu posicionamento diante de conflitos;
O que de fato faz em coerência com o que diz sentir;
Como se posiciona com as pessoas próximas e como reage com aqueles que não são tão próximos;
Avalie a forma como você se alimenta, e do que se alimenta, perceba se de fato está coerente com a sua verdade, com o seu sentimento.
E todos os dias se pergunte se está sendo coerente ou hipócrita consigo mesmo.

Próximo passo: observe teu posicionamento com relação à pessoas a sua volta para saber se você se mantém dentro da tua coerência e verdade ou se é influenciável (de forma negativa) e se deixa tomar pelo comportamento visceral dos que estão à sua volta. – é um jeito de você não absorver a energia dos outros e se desviar de si mesmo.

Terceiro passo: Observe como as pessoas se comportam umas com as outras; se coloque na terceira pessoa e seja um observador, não interaja, apenas observe. É uma maneira de você manter seu equilíbrio e permanecer no foco das suas conquistas.

Quarto passo: Observe como as pessoas vem na sua direção: que energia elas trazem, que assuntos, que temas, que situações estão vivenciando – este é o exercício do filtro para avaliar se você está fazendo direito a sua lição de casa de se manter no foco do eu – se não está atraindo situações que vibram em discordância com você.

Quinto passo: E o mais importante de todos: comece todos os dias com foco no Eu, interaja com as pessoas, mas não se perca nos assuntos delas, nas necessidades delas, nos anseios delas, nos problemas delas. Quanto mais você estiver no foco de suas realizações, no foco do Eu como pauta do dia, mais você irá vibrar em harmonia com as pessoas a sua volta e esta é verdadeiramente uma oportunidade de viver uma nova vida baseada numa troca justa e positiva de vibrações.


Tenha um lindo e glorioso dia em conexão com o Eu Sou.

Elena Públio - Terapeuta Holística

- ROSA SAGRADA CONSULTORIA E TERAPIAS HOLÍSTICAS

Terapias Holísticas para equilíbrio energético : 
- Reiki Usui Tibetano, Reiki da Alma, Elixires da Vida, Banhos e Perfumes Terapêuticos, 

* Decoração de Interiores e Harmonização de Ambientes Residenciais e Empresariais: 
- Feng Shui, Radiestesia, Radiônica, Cromoterapia e Aromaterapia.

* Consultoria Pessoal: 
- Numerologia e Tarot Terapêutico; Baralho Cigano. 

* Atendimento a distância e Residencial.
- Contato: 11 9-9346-1766 - elenapublio@gmail.com

visite >